Onze cidades da Região do Cariri registram chuvas, diz Funceme

Onze municípios da Região do Cariri registraram chuvas no intervalo de 7h desta sexta-feira (5) até as 7h deste sábado (6). O registro de maior chuva aconteceu na cidade de Barro distante 524 quilômetros de Fortaleza. Lá, o volume acumulado foi de 30.1 milímetros.

Em seguida choveu também em Abaiara, onde foi computado 30.0 milímetros. Houve boas chuvas nas cidades de Aurora (20,2 mm); Missão Velha (18,0 mm); Porteiras (10,5 mm), Mauriti (10,5 mm); Barbalha (10,0 mm); Crato (9,0 mm), Lavras da Mangabeira (8,0 mm), Cedro (6,0 mm) e Jati (2,0 mm).

Houve precipitações também nas cidades de Camocim, São Gonçalo do Amarante, Cedro e Quixeramobim. Já em Fortaleza a Funceme registrou precipitação de apenas 2,4 milímetros.

10 maiores chuvas por município do dia

Barro (Posto: Engenho Velho) : 30.1 mm

Abaiara (Posto: Abaiara) : 30.0 mm

Aurora (Posto: Sitio Tipi) : 20.2 mm

Aurora (Posto: Aurora) : 19.2 mm

Missão Velha (Posto: Jamacaru) : 18.0 mm

Barro (Posto: Cuncas) : 15.4 mm

Barro (Posto: Monte Alegre) : 11.4 mm

Mauriti (Posto: Mauriti) : 10.5 mm

Porteiras (Posto: Sítio Saco) : 10.5 mm

Barbalha (Posto: Barbalha) : 10.0 mm

Previsão para o sábado:

Nebulosidade variável com possibilidade de chuvas isoladas no litoral, no maciço do baturité e com chuva no centro-sul e na serra da Ibiapaba.

Previsão para o domingo:

Ao longo do dia, nebulosidade variável com possibilidade de chuva no litoral e com chuva no centro-sul do estado. Nas demais áreas, céu parcialmente nublado.

Previsão para segunda-feira:

Há possibilidade de chuva na faixa litorânea e região jaguaribana. Nas demais regiões, céu parcialmente nublado.

As precipitações, segundo a (Funceme), se deram pela influência de nuvens sobre o estado do Ceará. (Foto: INPE/CPTEC/DSA.)

Precipitações

As precipitações, segundo a (Funceme), se deram pela influência de nuvens sobre o estado do Ceará. No oceano Atlântico, junto ao setor leste do Nordeste brasileiro, observa-se a presença de um Vórtice Ciclônico de Altos Níveis (VCAN – sistema de baixa pressão atmosférica e circulação horária a aproximadamente 12km de altura).

No sul do Nordeste, verificam-se nuvens que estão associadas à proximidade da Zona de Convergência do Atlântico Sul (ZCAS – banda de nebulosidade e precipitação com orientação noroeste-sudeste, que se estende desde o sul e leste da Amazônia até o sudoeste do oceano Atlântico Sul).

FONTE: G1 – CE.

Use o Facebook para comentar este Post

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *