Ceará tem redução no número de municípios infectados pela Dengue, Zika e Chikungunya

Em 2017, o Estado do Ceará aumentou o número de municípios participantes no Levantamento Rápido de Índice de Infestação pelo mosquito da Dengue. Em 2016, de 184 municípios, 111 participaram e 12 foram considerados em situação de risco. Este ano, o número caiu para oito e 181 municípios participaram do Levantamento. Com o início do período chuvoso em Fevereiro, a supervisora do Núcleo de Vigilância Epidemiológica da Secretaria de Saúde, Sheila Santiago, faz um alerta para a população redobrar a atenção com o mosquito.

“A questão de ter cuidado com o meio ambiente. Tanto os agentes de saúde, como os agentes de endemias, tão visitando de casa em casa. São esses cuidados que são reforçados nesse período. Porque, na verdade, há uma campanha o ano inteiro. Nós temos os LIRAas, os carros fumacê, boletins epidemiológicos, notas técnicas. Durante o ano todo, as arboviroses, elas têm um olhar muito especial pra gestão.”

O mosquito transmissor da Dengue, Zika e Chikungunya se reproduz em água parada. Por isso, é importante fiscalizar possíveis criadouros, como pneus, garrafas, vasos de flores, caixas d’água. Faça a sua parte e lembre-se de que um mosquito pode prejudicar uma vida. E o combate começa por você.

FONTE: Agência do Rádio Mais.

Use o Facebook para comentar este Post

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *